Gazeta do RN

Conselho tutelar de Apodi atende mais de 35 denúncias durante abril e junho de 2022

Apodi

Conselho tutelar de Apodi atende mais de 35 denúncias durante abril e junho de 2022

Diversas violações aos direitos da criança e do adolescente foram identificadas nos casos atendidos pelo órgão.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

O Conselho Tutelar de Apodi, cujo qual é responsável por cuidar dos direitos e da criança e do adolescente, divulgou o ofício Nº 053/2022, cujo qual apresentava dados referentes aos registros das violações de direitos da criança e do adolescente tratados pelo órgão durante os meses de abril e junho em Apodi. 

De acordo com o documento, no período compreendido entre abril e junho, 38 denúncias foram atendidas pelo órgão no município de Apodi.

Das denúncias recebidas, as seguintes violações foram identificadas:

  • Negligência ou omissão: 10;
  • Própria conduta: 09;
  • Violência psicológica: 05;
  • Abuso sexual: 03;
  • Situação de risco: 03;
  • Alienação parental: 03;
  • Violação do direito a saúde: 03;
  • Bullying escolar: 02;
  • Integridade física: 02;
  • Maus tratos: 01;
  • Uso de drogas: 01;
  • Apologia ao uso de drogas: 01;
  • Abandono de incapaz: 01;
  • Evasão escolar: 01;
  • Trabalho insalubre e perigoso: 01;
  • Pedido de guarda: 01.

Vale ressaltar que podem ser identificadas mais de uma violação em um caso.

Ademais, também foram divulgados os bairros e locais com maiores incidência de violações dos direitos da criança e do adolescente, sendo eles: Bairro Lagoa Seca, Ambiente escolar e Centro.

Aviso: Esse conteúdo não reflete a opinião do nosso portal e é uma matéria criada pelo nosso site, a sua cópia está proibida de acordo com o Art. 184 do CPB, decreto de Lei 2848/40.

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!